Representante da ONU critica Brasil por preparação morna da Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 18 de abril de 2012 as 13:20, por: cdb

A ONU, através de um de seus sub-secretários gerais, Achim Steiner, também diretor-executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA),criticou o Brasil por emitir “sinais trocados” nas negociações da Rio. Steiner cobrou liderança do país como anfitrião da conferência de clima deste meio de ano no Rio e considerou que os preparativos para o encontro “não estão onde deveriam estar”.

Ao participar de evento promovido pelo nosso Ministério do Meio Ambiente, no Rio, para debater governança ambiental O executivo da ONu foi mais longe e advertiu que, na cena internacional, já se começa a comparar a Rio com a fracassada conferência do clima de Copenhague em 2010.

Estranho, é o mínimo que se pode dizer, mas O Itamaraty, braço do governo na condução das negociações para a Rio não mandou representantes ao evento. A um evento promovido por outro ministério, o de Meio Ambiente, do qual ele é parte…

“O mundo não está discutindo a Rio como discutiu a Rio-92”, lamentou o sub-secretário da ONU.
O que disseram o governo, o MInistério do Meio Ambiente, promotor do evento m que o Brasil foi criticado, o Itamaraty que é o condutor das negociações/preparativos da Rio? Nada?

Não responderam, nem vão responder as criticas? Quando é que o Brasil vai entrar seriamente e para valer na discussão sobre a Rio? Faltam menos de dois meses para o início da conferência…