Repórter é presa por milícias do Talebã no Afeganistão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 28 de setembro de 2001 as 16:04, por: cdb

A repórter britânica Yvonne Ridley foi presa nesta sexta-feira pela milícia Talebã, que controla 95% do Afeganistão, próximo à cidade de Jalalabad. Segundo a agência Afghan Islamic Press (AIP), baseada em Islamabad, Paquistão, os dois guias que acompanhavam a jornalista tambpem foram detidos.

As primeiras informações dão conta de que o trio foi surpreendido no distrito de Daur Baba, a 60 km de Jalalabad. A repórter, que trabalha para a revista “Sunday Express” estaria vestida com a burka, o longo manto que as mulheres afegãs são obrigadas a usar para circular pelo país, mas não levava seu passaporte. Segundo a AIP, ela entrou ilegalmente no país.

Em Londres, a revista negou-se a comentar o incidente. Os talebãs tinham pedido que todos os estrangeiros deixassem o país e afirmou que não concederá mais vistos a jornalistas.