Reforma do Código Florestal pode agravar desastres naturais, diz especialista

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 21 de junho de 2011 as 13:11, por: cdb

A coordenadora de Riscos a Deslizamentos do Centro de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais do Ministério da Ciência e Tecnologia, Noris Costa Diniz, advertiu que a alteração da faixa de preservação nas margens dos rios, prevista no projeto de reforma do Código Florestal já aprovado pela Câmara, pode agravar a vulnerabilidade do País a desastres climáticos.

Em audiência da Comissão Especial de Medidas Preventivas Diante de Catástrofes, encerrada há pouco, ela manifestou preocupação também com a não aplicação das normas de preservação já vigentes no código.

Noris Diniz ponderou, contudo, ser preciso compreender as necessidades habitacionais da população mais pobre. “Não se trata de simplesmente proibir, mas sim de estabelecer políticas de manejo adequado das áreas de risco, porque as pessoas precisam morar.”

Tempo real:14:47 – Começa audiência sobre catástrofes climáticasReportagem – Luiz Claudio Pinheiro
Edição – Daniella Cronemberger