Rede Municipal do Rio volta às aulas com uniforme novo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010 as 13:30, por: cdb

O prefeito Eduardo Paes acompanhou na manhã desta segunda-feira (22) a volta às aulas dos alunos na Escola Municipal Barão Homem de Melo, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio.

Os alunos começaram o ano letivo de 2010 com os novos uniformes de cor azul, em substituição ao laranja usado desde 2004. Segundo a secretaria de Educação, os 650 mil estudantes vão adotar a nova vestimenta a partir da primeira quinzena de março.

“É importante que as escolas ensinem não só as disciplinas tradicionais, mas também que todos devem aprender a respeitar as pessoas, a serem bons cidadãos, a cumprir com os deveres e a entender quais são os direitos. A participação dos pais também é fundamental para a formação de um cidadão”, ressaltou.

Em 2010, a prefeitura vai manter as ações de reforço escolar, realfabetizando os identificados como analfabetos funcionais e reduzindo a taxa de defasagem idade-série dos estudantes. Para este ano, cerca de 8 mil alunos do 2º ao 6º anos continuarão no processo de realfabetização. Para o reforço escolar, a novidade é a disponibilização das atividades em toda a rede municipal de ensino em forma digital, em CD’s e também pela internet.

Outras ações envolvem ainda a ampliação do processo de avaliação e monitoramento da aprendizagem, que incluirá provas de ciências, além das de português e matemática; aplicação da Prova Rio aos alunos do 4º e 8º anos; aprimoramento da prova de 2ª época, introduzida com o fim da aprovação automática, para os alunos que não foram aprovados diretamente; e criação do Clube de Inglês, espécie de oficina no contraturno para o enriquecimento da língua voltado para estudantes inseridos no programa Escolas do Amanhã.

Além disso, serão ampliadas as ações do Bairro-Educador, que integram as escolas com as comunidades; e intensificado o programa Rio Global, que oferece aulas de inglês a crianças do 1º ao 9º anos, preparando-os para as Olimpíadas de 2016. Todas as novas turmas passarão a integrar o novo modelo, de modo que até 2016 o ensino de inglês seja universalizado nas escolas do município.