Rede de Educação Profissional comemora centenário

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 23 de setembro de 2009 as 13:15, por: cdb

Há exatos cem anos o presidente Nilo Peçanha criou as primeiras instituições federais de educação profissional. As 19 escolas de aprendizes artífices foram o esboço do que hoje é a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica.

De 23 de setembro de 1909 pra cá, o número de instituições aumentou de 19 para 227. As escolas, inicialmente criadas para dar uma formação técnica aos “filhos dos desvalidos”, hoje são referência nacional, formando não apenas técnicos como mestres e doutores.

Entretanto, o crescimento da educação profissional no país nem sempre foi linear. Até 2002, os investimentos no setor estavam estagnados. A própria legislação impedia a criação de novas escolas de educação profissional.

– Tivemos que mudar a lei para, então, traçar um plano de expansão, com a criação de 214 novas unidades em todos estados –, recorda Eliezer Pacheco, secretário de educação profissional e tecnológica do Ministério da Educação.

O plano de expansão de Rede Federal é responsável pelo histórico crescimento do setor. Até 2002, eram 140 escolas em todo país. Somente em 2009, estão sendo entregues 100 novas unidades. Até o final de 2010, o Brasil contará com uma rede de educação profissional de mais de 350 escolas espalhadas pelo território nacional. Os investimentos totais para expansão da Rede somam R$ 1,1 bilhão.

Os investimentos vêm acompanhados de uma política de garantia da qualidade. A carreira tem atraído mestres e doutores, que chegam a ganhar R$ 6,5 mil iniciais e tendem a ganhar mais, já que o plano de carreira prevê ascensões salariais contínuas.

–  Estamos vivenciando o melhor momento da educação profissional no país –, ressaltou Eliezer Pacheco.

Os 100 anos da educação profissional no país serão celebrados em todos os estados. De 23 a 27 de novembro, Brasília é a sede do Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica. O evento deve reunir 10 mil pessoas de todo o mundo para trocar experiências e discutir os novos conceitos da educação profissional.

Nesta quarta-feira, foi lançado e o selo comemorativo do centenário da Rede, que estará disponível em todas as agências dos correios até o final de 2009.