PSDB foi quem começou a espalhar medo em São Paulo, diz Genoino

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 10 de setembro de 2004 as 22:04, por: cdb

O presidente nacional do PT, José Genoino, reagiu nesta sexta-feira dizendo que quem começou a espalhar o medo entre o eleitorado na eleição para a prefeitura de São Paulo foi o PSDB.

-A Marta não explorou nem explora o medo. Ela disse uma verdade que está estampada nos jornais- afirmou o petista em entrevista na cidade de Porto Alegre. “A candidatura do PSDB começou a campanha atacando o governo Lula, o PT e a prefeita.”

Na quarta-feira, a prefeita afirmou em palestra a empresários que a eleição de José Serra (PSDB) abriria uma crise política nos próximos dois anos. Segundo ela, o tucano pretende usar a prefeitura paulistana como “instrumento de oposição ao governo federal” visando a sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Serra declarou que a afirmação demonstrava que a petista despreza um dos pilares da democracia, que é a alternância do poder. Os tucanos responderam acusando Marta de chantagear o eleitorado e tentar espalhar o medo.

Segundo o presidente do PT, dizer que a eleição em São Paulo seria um trampolim para a disputa nacional foi iniciativa dos tucanos.

-O PSDB e o PFL eram os que mais falavam em federalizar a disputa- disse Genoino. Marta disse que nunca deixou de defender o PT e que sua vitória é fundamental para continuar seus projetos para a cidade e para consolidar as mudanças propostas pelo governo Lula, de acordo com Genoino.

-Nosso principal adversário (PSDB) em São Paulo vinha insistindo em fazer uma disputa nacional, mas agora se calou porque o governo Lula está indo bem. O PSDB está sem discurso- concluiu Genoino.