Promotoria de Munique investiga zagueiro Breno por incêndio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de setembro de 2011 as 09:38, por: cdb

A promotoria pública de Munique divulgou nesta sexta-feira (23/09) que está investigando o jogador brasileiro Breno, do Bayern de Munique, devido ao incêndio que destrui sua mansão esta semana.

Segundo os investigadores, há indícios de que o incêndio não tenha sido um “acontecimento casual”, como disse o porta-voz da promotoria, Thomas Steinkraus-Koch. Breno já havia prestado depoimento na condição de testemunha e agora voltará a ser ouvido, desta vez como suspeito.

Bildunterschrift: Großansicht des Bildes mit der Bildunterschrift:  Breno, de vítima a suspeitoA mansão do zagueiro brasileiro, que é alugada e fica em Grünwald, nas proximidades da capital bávara, ficou totalmente destruída devido ao incêndio. Breno, que tem 21 anos e se chama Vinícius Rodrigues Borges, estava sozinho no momento do incêndio, mas conseguiu escapar das chamas. Sua esposa e os três filhos do casal não estavam em casa.

O Bayern divulgou uma nota sobre o caso, afirmando estar surpreso com a reviravolta. “Como não temos mais informações, não podemos nos manifestar sobre o ocorrido”, diz o comunicado, que acrescenta que o clube continuará prestando assistência ao jogador.

Segundo o jornal Münchner Merkur, Breno teria sido encaminhado ao Instituto Max Planck de Psiquiatria, a pedido do Bayern. Ali, o jogador Sebastian Deisler fez tratamento contra depressão. O clube teria confirmado que fez a sugestão a Breno. Segundo o jornal, o jogador estaria temendo por sua carreira devido problemas frequentes no joelho.

AS/dpa/sid
Revisão: Roselaine Wandscheer