Projeto de Sumaré será apresentado a Ministério

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 4 de abril de 2012 as 09:19, por: cdb

O senador da República Eduardo Suplicy encaminhou ofício ao ministro da Educação Aloizio Mercadante, pedindo audiência para apresentar o Projeto de Educação Ambiental Vivenciada (CEAV), idealizado pelo paisagista, ambientalista e consultor ambiental Fernando Wucherpfennig e implantado em Sumaré, no final da década de 90, época em que o profissional residia no município. Com incentivo às aulas ao ar livre e ao ensino baseado na sustentabilidade, o Projeto foi incorporado pela Lei Orgânica do Município (LOM) de Sumaré, passou a ser desenvolvido na Escola Municipal José de Anchieta e chegou ser levado como modelo até para municípios de outros estados, como Pau D´Alho (PE).    
   
No ofício, enviado em março deste ano, o senador Suplicy pede uma audiência para que o ministro Mercadante, ou algum funcionário designado, acompanhe a exposição do Projeto e o conheça melhor, no intuito de aprimorar a ideia e, caso seja possível, implantá-lo na rede pública de ensino. Embora ainda não haja data formalizada para ocorrer a audiência no Ministério da Educação, a equipe do CEAV sumareense se empolgou com a possibilidade de o Projeto local tornar-se modelo educacional de proporção nacional. Atualmente, o ambientalista Wucherpfennig viaja o mundo divulgando êxitos de Projetos como CEAV e de outras experiências na área  realizadas principalmente em Sumaré e região.   

CEAV

De responsabilidade da Secretaria Municipal de Educação de Sumaré, o Centro de Educação Ambiental Vivenciada (CEAV) fica ao lado da EM de Ensino Fundamental (EMEF), José de Anchieta, na região central da cidade. O espaço passará por revitalização, por meio de parceria com o Instituto 3M Inovação Social. No CEAV, alunos de escolas públicas recebem aulas extras (fora da sala) para vivenciarem o tema Meio Ambiente de forma lúdica e divertida.

O atendimento é realizado pela equipe do Projeto Educacional de Meio Ambiente, uma parceria com os Institutos Bem Querer e 3 M. A equipe é formada pelas professoras Andréa Simone Teodoro, Mônica Cardillo e Patrícia Alexandra Guglielminetti, sob coordenação da professora Fernanda Moranza. Os atendimentos são nas segundas e terças-feiras, nos períodos da manhã e da tarde. A Secretaria Municipal de Educação se encarrega do transporte das crianças das escolas ao CEAV, bem como de lhes fornecer merenda (lanches).