Projeto Antidrogas contempla Sete Lagoas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 9 de março de 2012 as 09:30, por: cdb

Sete Lagoas já faz parte de um seleto grupo de municípios selecionados pela Fundação Milton Campos para abrigar o projeto “Drogas Porque? Desafios para a Educação”. Seminário, onde educadores foram qualificados sobre o tema, aconteceu no Teatro da Unifemm nesta quarta-feira, 07, em parceria com a instituição de ensino e com a Prefeitura Municipal. Mais oito cidades mineiras contarão com o circuito de palestras que atraiu especialistas de renome nacional em Sete Lagoas.

O seminário “Drogas Por que? – Desafios para a Educação”, vem expandindo o debate sobre esta problemática em todo o país envolvendo no processo membros da comunidade, diretores e coordenadores de escolas públicas do ensino fundamental e médio, representantes de saúde e assistência social, além de representantes de entidades que trabalham no combate ao uso indevido de drogas. Esses atores no processo serão posteriormente multiplicadores dos conteúdos em suas comunidades.

O prefeito Mário Márcio Maroca, comungando da preocupação do deputado federal Márcio Reinaldo em relação ao tema e às políticas públicas para enfrentar o problema, destacou a importância da união de todos para enfrentar essa guerra. “A participação de todos é fundamental para potencializar ações de combate a problemas tão sérios quanto o do uso indiscriminado de drogas”. Ele destacou a iniciativa do deputado Márcio Reinaldo e a Fundação Milton Campos que se apresenta não apenas como um espaço importante de debate, mas também como uma bela oportunidade de qualificação dos educadores municipais”.

Para o Deputado Duílio de Castro, também presente ao seminário, o evento é uma oportunidade ímpar de envolver a comunidade e o poder público, seja a nível municipal, estadual e federal, em ações conjuntas para auxiliar os doentes e as famílias dos doentes das drogas. “Não podemos nos deixar vencer por essa doença que assola o país, e para isso, investimentos em educação são fundamentais”.

O envolvimento da sociedade como papel fundamental no incremento das ações foi amplamente discutido durante todo o evento. Para o deputado federal Márcio Reinaldo, também integrante da Fundação Milton Campos, o projeto representa um chamado e um alerta à sociedade. Segundo ele “esse evento de cidadania se preocupa com os problemas das famílias e daqueles afetados diretamente pelas drogas”.