Programa de Alimentos da ONU é reiniciado para refugiados na fronteira com Paquistão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de novembro de 2001 as 21:20, por: cdb

O Programa Mundial de Alimentos da ONU anunciou ter enviado o primeiro carregamento aéreo de alimentos para o Afeganistão desde os atentados de 11 de setembro, nos Estados Unidos. Os alimentos foram enviados do Tadjiquistão para o Afeganistão.

O programa da ONU está enviando os suprimentos às áreas montanhosas do nordeste afegão. Cerca de 300 mil pessoas serão beneficiadas. Segundo a ONU, os carregamentos serão enviados quatro vezes por dia da cidade de Kolyiab, no Tadjisquistão, a Faizabad, no Afeganistão. Em cada remessa serão transportadas 17 toneladas de farinha de trigo.

Inverno

A ONU quer criar um estoque de cerca de 2 mil toneladas de alimentos para que as pessoas possam sobreviver durante o rigoroso inverno afegão.

O vice-coordenador da ONU para o Afeganistão, Antonio Donini, disse nesta sexta-feira que a organização está tentando expandir a presença de seu pessoal internacional na área. Segundo Donini, é necessário antes checar as condições de segurança nas zonas de atuação da ONU.

Ajuda pode aumentar se segurança melhorar

A ONU e outras agências reclamaram de uma desordem crescente no país, que estaria atrapalhando seus esforços de ajuda humanitária.

Donini informou que algumas avaliações das condições de segurança já foram conduzidas em Cabul, Faizabad e Mazar-e-Sharif. Ele espera que uma outra avaliação aconteça em breve na cidade de Herat.

De acordo com o funcionário da ONU, há uma crise de proporções assustadoras no norte do Afeganistão. Segundo Donini, trata-se de uma corrida contra o tempo, e todos os corredores serão usados para reverter esse quadro, à medida que forem sendo liberados.