Programa de alimentos da ONU pode comprar produtos da agricultura familiar

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 6 de setembro de 2004 as 10:39, por: cdb

O Programa Mundial de Alimentos (PMA), órgão da ONU responsável pela ajuda humanitária às populações de todo o mundo, vai criar, nesta semana, junto com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), um grupo de cooperação técnica para estudar a possibilidade de compra dos produtos da agricultura familiar.

Segundo o coordenador regional de Operações do PMA, Omar Bula, o programa de agricultura familiar brasileiro impressionou os técnicos da ONU, mas, como é um programa novo, precisa de ajustes. “O grupo de cooperação técnica já começa a trabalhar na semana que vem”, disse.

Bula explicou que esse grupo vai analisar a tecnologia, infra-estrutura, capacitação e qualidade dos produtos da agricultura familiar brasileira. Os produtos precisam ter qualidade e bom preço para competirem no mercado internacional. Ele informou que a ONU já compra vários produtos brasileiros, mas precisa analisar os produzidos pela agricultura familiar. “Ficamos muito impressionados com o programa brasileiro, mas como um programa novo precisa ser analisado e aperfeiçoado”, disse.

Além da formação do grupo, Bula disse que também serão feitas trocas de experiências entre países da América Latina. As trocas de experiência começaram esta semana, com a visita de um grupo de chilenos que veio falar sobre o programa de merenda escolar, e de mexicanos que falaram sobre logística.