Problema em bueiro da Light deixa parte do Centro do Rio às escuras

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 10 de março de 2010 as 12:56, por: cdb

Diversos pontos do Centro do Rio estão sem luz nesta quarta-feira, causando transtornos para trabalhadores que precisaram subir as escadas dos prédios onde trabalham. Além disso, o Departamento de Transportes Rodoviários (Detro) não abriu o atendimento ao público, o Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran) e outras empresas estatais na região – como a Eletrobrás – funcionam precariamente.

Faltou energia em parte das avenidas Presidente Vargas e Rio Branco e nas ruas Senhor dos Passos, Buenos Aires, da Conceição e do Rosário. Avenida Passos também ficou sem luz. Nas proximidades desta última via, dois sinais de trânsito estão apagados. O problema acontece deste a noite desta terça-feira, quando houve um problema em um bueiro da Light entre a Avenida Passos e a Rua Uruguaiana. A Light identificou o defeito na rede subterrânea, que atingiu trechos de ruas como Ouvidor, Buenos Aires, Uruguaiana, Sete de Setembro e Visconde de Inhaúma.

Muitos comerciantes da Rua Uruguaiana e da Rua da Alfândega, no Centro do Rio, ficaram com as portas fechadas. Outros abriram o comércio, mesmo sem luz. Eles lamentam o prejuízo. No prédio da Eletrobrás, na Presidente Vargas, parte dos sistemas da empresa foram mantidos no ar de forma precária, já que a estatal conta com o uso de geradores de emergência. Mas parte do pessoal responsável pelos sistemas de informação da empresa foi deslocado para o prédio antigo da Eletrobrás, para garantir, pelo menos, parte da operação da área de informática.

No início da manhã, dezenas de pessoas esperaram na portaria do Detran até que o gerador pudesse ser usado para restabelecer o funcionamento do serviço de informática.

Já na sede administrativa do Departamento de Transportes Rodoviários (Detro), que fica na Rua do Rosário 184, foi mantido plantão para atendimento apenas no setor de liberação de veículos apreendidos. Em nota, o Detro informou que não pode tomar a mesma providência do Detran-RJ, que manteve o funcionamento de seus serviços a despeito da falta de energia em seu prédio graças a geradores cedidos pela Light, pois a sede do departamento, que fica em cima do mercado das flores, não comporta este tipo de equipamento.

A Light faz um serviço emergencial na área onde o bueiro teve o problema, interditando cinco faixas na pista central da Avenida Presidente Vargas, no sentido Candelária: duas na pista lateral e três na pista central. O reparo acontece na altura da Avenida Passos, e o trânsito congestionado começa na Praça da Bandeira, segundo a CET-Rio.