Pressão Máxima já gerou 183 prisões no Rio de Janeiro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 19 de novembro de 2003 as 11:59, por: cdb

A Operação Pressão Máxima realizou 183 prisões desde que foi deflagrada, há 16 dias. O balanço foi divulgado nesta quarta-feira pela Secretaria Estadual de Segurança Pública.

Os policiais civis e militares que integram a operação atuam em 18 locais do Grande Rio: Morro do Zinco, Favela Cerro-Corá, Morro Camarista Méier, Manilha, Morro da Providência, Andaraí, Jorge Turco, Igrejinha – Grota do Surucucu, Favela do Metral, Sapinho – Sossego, Favela do Dique, Morro do Jordão, Jardim Redentor – Bom Pastor, Vila Norma, Roque Pinto, Rocinha, Favela do Aço e Carobinha.