Presos suspeitos de planejar protestos contra Alca

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 7 de novembro de 2003 as 18:26, por: cdb

A polícia norte-americana prendeu dois indivíduos na cidade de North Miami Beach sob a suspeita de planejar ações violentas contra a reunião ministerial da Alca que acontecerá em Miami dentro de duas semanas. As autoridades de North Miami Beach, ao norte de Miami, não identificaram aos indivíduos, que qualificaram de “anarquistas suspeitos”.

O sargento Armando Sotero informou que os suspeitos, denunciados por um informante anônimo, foram presos quando abordavam um veículo para roubá-lo e, supostamente, tentar subir no telhado de uma loja da conhecida rede de cafeterias Starbucks.

– A reunião da Alca está a apenas alguns dias de começar e estamos muito atentos a qualquer atividade suspeita de indivíduos que queiram aproveitar esta oportunidade para prejudicar nossa comunidade – declarou ele.

O policial acrescentou que estão as intenções dos detidos sendo investigadas, especialmente quando ambos elegeram em algumas ocasiões anteriores como alvos empresas como Mcdonald’s -e talvez Starbucks-, consideradas símbolos do capitalismo. No carro dos acusados foram encontradas gasolina e uma mangueira.

O policial pediu à comunidade para que continue vigilante e denuncie qualquer atividade suspeita. Além disso, disse que as autoridades de Miami deram e darão as boas-vindas às pessoas que queiram protestar de forma “pacífica, cívica e autorizada” contra a Alca, mas que deve estar alerta com os que “tentem alterar violentamente a ordem”.

As autoridades de Miami esperam cerca de 40 mil manifestantes durante a reunião ministerial da Alca, que contará com a presença de ministros e funcionários dos 34 países americanos, com exceção de Cuba, e que será realizada entre 16 e 21 de novembro.