Preso acusado de enganar pacientes com remédios que curariam Aids

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 21 de maio de 2003 as 16:52, por: cdb

Foi preso nesta quarta-feira em seu consultório no Butantã (zona oeste de São Paulo) Takashi Nishioka, acusado de vender medicamentos manipulados com a promessa de que curariam Aids, câncer e diabetes.

Nishioka se intitulava “cientista e comendador”. Policiais da 2° DIG (Delegacia de Investigações Gerais) do Deic (Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado) encontraram vários pacientes no consultório, localizado na rua Augusto Perrone, 884.

De acordo com a polícia, agentes da Vigilância Sanitária fizeram a denúncia pois tentaram inspecionar o local na semana passada, mas foram ameaçados e expulsos do consultório.