Prefeitura inicia reforma do prédio onde será implantado o Caps AD III 24hs

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 13 de março de 2012 as 14:27, por: cdb
  • Publicação: 13/03/2012 – 17:22h
  • Redatores: Darlene Ribeiro
  • Release N.º: 458
  • Divulgação

    A Prefeitura de Indaiatuba já iniciou a reforma do prédio onde será implantado o Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e Outras Drogas – 24 horas (Caps AD III), serviço aberto destinado a proporcionar atenção integral a pessoas com transtornos decorrentes do uso abusivo de álcool e drogas, com funcionamento durante as 24 horas do dia, inclusive nos finais de semana e feriados. Com previsão para ser inaugurado ainda no 1º semestre deste ano, o Caps AD III será o primeiro a ser implantado na Região Metropolitana de Campinas (RMC).

    O novo Caps ocupará uma área total de 684,72m² e funcionará na Avenida Presidente Vargas, 890, Cidade Nova (antiga Casa do Caminho). O espaço contará com oito leitos para internação, sendo cinco masculinos e três femininos, quatro consultórios, sala de espera, recepção, administração, salas de reunião, triagem e oficina, refeitório, cozinha, posto de enfermagem, sanitários com chuveiros, além de quadra poliesportiva e canteiros para o cultivo de hortaliças.

    A reforma está sendo realizada pela Construtora Almeida & Associados Construções e Empreendimentos Ltda e o valor do investimento será de R$ 147.407,20. A Portaria nº 130 de 26 de janeiro de 2012 do Ministério da Saúde redefiniu o incentivo financeiro de custeio para a implantação do centro, passando de R$ 100.000,00 para R$ 150.000,00, verba que pode ser utilizada em reformas, compra de materiais necessários e capacitação da equipe. O custeio mensal também foi ampliado, passando de R$ 60.000,00 para R$ 75.000,00.

    A transformação do Caps AD em Caps AD III foi anunciada pelo prefeito Reinaldo Nogueira (PMDB) em abril do ano passado durante uma coletiva à imprensa. Na ocasião ele argumentou que “o problema das drogas é crescente e a estrutura física é próxima do Hospital Dia, o que possibilita futuras ampliações para melhorar a rede de serviço social e de saúde”.

    O Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e Outras Drogas – 24 horas funcionará diariamente das 7h às 19h (inclusive nos finais de semana e feriados) fazendo o acolhimento de novos pacientes e atendendo dependentes químicos em tratamento e seus familiares. A Portaria especifica que “a permanência de um mesmo paciente no acolhimento noturno do CAPS AD III fica limitada a 14 dias, no período de 30 dias”. Caso seja necessária a permanência por mais tempo, o usuário será encaminhado a uma Unidade de Acolhimento.

    Segundo a coordenadora do Caps AD, Eliana da Rocha Palharim Quilici, a unidade irá atender exclusivamente os pacientes de Indaiatuba. “A disponibilização desse serviço, pioneiro na nossa região, irá aliviar o Mini Hospital, que atualmente faz o acolhimento dos nossos pacientes nos finais de semana. Teremos um serviço mais qualificado, com uma equipe multiprofissional maior e um espaço adequado, possibilitando mais recursos para auxiliar os usuários a deixarem o vício”, relatou.

    UBS 1

    A Secretaria de Saúde estuda a possibilidade de transferir para o local onde está instalado o Caps AD, situado à Rua Armando Sales de Oliveira, 1829, Cidade Nova a UBS 1 (Unidade Básica de Saúde), que funciona nas dependências do Hospital Dia Renato Riggio Júnior. Para o secretário da pasta, José Roberto Destefenni, a intenção é desvincular a UBS 1 do hospital, oferecendo à população um local mais adequado para atendimento à atenção básica. “Os moradores da região contarão com uma unidade específica para a atenção básica e o Hospital Dia se tornará exclusivamente uma unidade especializada que oferece consultas com médicos especialistas e conta com um centro cirúrgico e o ambulatório de oncologia”, explicou.

    #