Powell adverte a Síria para não abrigar membros de Saddam

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 13 de abril de 2003 as 09:30, por: cdb

O secretário de Estado norte-americano, Colin Powell, advertiu a Síria, neste domingo, de que não seria “de modo algum sensato” transformar-se num “porto de abrigo” para os membros do regime de Saddam Hussein.

“Pensamos que não seria de modo algum sensato a Síria, subitamente, transformar-se num porto de abrigo para todas aquelas pessoas que devem ser julgadas e que tentam sair de Bagdad”, declarou Powell em entrevista ao programa Breakfast with Frost da BBC.

“A Síria foi, durante muito tempo – lembrou -, uma fonte de inquietação. Nós designámo-la como um estado que apoia o terrorismo e discutimos isso muitas vezes com os sírios”.

Powell evocou, neste passo, o receio ainda recentemente expresso por Washington de que Damasco tivesse fornecido equipamento militar ao Iraque, “nos últimos anos”.

Nas últimas semanas, o chefe da diplomacia norte-americana desaconselhou Damasco de apoiar o regime de Saddam Hussein, afirmando, nomeadamente, tratar-se, para as autoridades sírias, de uma “opção crucial”.

Na passada sexta-feira, o presidente norte-americano, George W. Bush, instou Damasco a fazer “todo o possível” para fechar a sua fronteira com o Iraque aos “fiéis” de Saddam Hussein e a entregar aqueles que se tenham refugiado já no país.