Post revela diário de terrorista que voou para o WTC

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 28 de setembro de 2001 as 11:47, por: cdb

O jornal “Washington Post”, na sua edição desta sexta-feira, afirmou que um documento manuscrito contendo preces islâmicas, lembretes pedindo que o autor das notas não se esquecesse de levar facas e regras sobre como se preparar para a morte, foi encontrado em uma bagagem que poderia ter pertencido a Mohammed Atta, suspeito de estar no comando de um dos aviões que colidiram com o World Trade Center. O texto, escrito em árabe, mescla chamados espirituais e uma lista para garantir a organização das operações suicidas.

“Todos odeiam a morte, temem a morte. Mas só aqueles crentes que sabem que há vida depois da morte e conhecem a recompensa da vida depois da morte serão os que buscarão a morte”, afirma o documento citado pelo jornal.

Em outro trecho, o documento pede que se tenha cuidado com o passaporte demais documentos de identidade, além da certificação de que não se está sendo seguido por ninguém. “Recorde a batalha do profeta contra os infiéis quando construía o estado islâmico”, continuou o texto.