Por volta à zona de Libertadores, Palmeiras enfrenta o líder Corinthians

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 26 de agosto de 2011 as 16:59, por: cdb

Após comemorar os 97 anos, mas perder a vaga na Copa Sul-Americana para o Vasco da Gama, o Palmeiras volta a campo neste domingo, às 16h, em Presidente Prudente para enfrentar o Corinthians, seu maior rival, líder, e que, nas últimas rodadas, não tem tido vida fácil no Campeonato Brasileiro. Por isso, o clássico que fecha o primeiro turno do nacional para as duas equipes paulistas é de tamanha importância.

Luiz Felipe Scolari, que não estará no banco de suplentes em conta de uma suspensão, destacou a importância de se recuperar no clássico e esquecer a eliminação no torneio intercontinental. “Não adianta nem empatar. Os times que estão na nossa frente começam a se distanciar e só a vitória nos interessa. Se conseguirmos os três pontos continuamos na briga e ainda teremos um turno inteiro pela frente. Tivemos um tempo curto para treinar, enquanto eles estarão descansados, mas a motivação aqui é grande pelas boas apresentações e pelo fato de podemos subir na tabela”, frisou Felipão.

O goleiro Marcos segue com o mesmo discurso que o comandante e encara a partida como uma decisão, apesar de o campeonato completar a sua metade. “Será igual a uma final. Se conseguirmos um bom resultado contra o Corinthians, acho que pensaremos em algo maior no segundo turno”, garantiu o atleta.

O treinador palmeirense terá apenas um desfalque neste clássico: trata-se do lateral-direito Cicinho, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. A primeira opção de Felipão será a improvisação do volante João Vitor, caso queira alguém da posição, Paulo Henrique poderá ser a novidade.

Buscando recuperar o início avassalador do Brasileiro, quando atingiu um aproveitamento de aproximadamente 93%, o Corinthians vem de derrota, em pleno Pacaembu pelo Figueirense. Para o domingo, o técnico Tite deu como certa a formação que atuava no começo do ano, porém com mudanças. Alessandro pode perder a vaga para Edenílson, enquanto Emerson Sheik disputa a outra vaga do ataque com Willian. Jorge Henrique e Liedson completam o setor.

Tite também cravou que apenas Alex ou Danilo entrarão como titulares. “A possibilidade maior é de ter dois de velocidade (pelos flancos), e um só na armação. De velocidade, temos Emerson, Willian e Jorge Henrique. Na armação, temos Danilo, Alex e Morais, mas ficarei entre Danilo e Alex. Só um deles jogará”, disse o treinador.

Caso seja o titular, Alex diz estar preparado para o confronto com o maior rival do clube de Parque São Jorge. “Precisamos vencer esse jogo para nos manter no topo da tabela. É um jogo direto contra um adversário que está bem no torneio. Jogaremos um bom futebol para terminarmos o primeiro turno na frente”, declarou Alex.

Ficha técnica

Palmeiras: Marcos; João Vitor (Paulo Henrique), Thiago Heleno, Henrique e Gabriel Silva; Chico, Marcos Assunção e Valdivia; Maikon Leite, Luan e Kleber.
Técnico: Luis Felipe Scolari.

Corinthians: Júlio César; Alessandro (Edenílson), Chicão, Leandro Castán e Ramon; Ralf, Paulinho e Danilo (Alex); Jorge Henrique, Liedson e Emerson (Willian).
Técnico: Tite.

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP);
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA) e Vicente Romano Neto (ambos de São Paulo)
Local: Prudentão, Presidente Prudente (SP), às 16h;
Data: 28 de agosto, às 16h.