Polícia instaura inquérito para investigar morte de jornalista em SP

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 16 de setembro de 2003 as 14:17, por: cdb

A polícia de São Paulo instaurou inquérito para investigar a morte do jornalista Andréa Carta, de 44 anos. O diretor-responsável pela revista Vogue, caiu da sacada do apartamento de um amigo de infância, o empresário Rogério Fasano, no 5º andar de um prédio na região dos jardins. Segundo a polícia, trata-se de um caso de “morte a esclarecer”.

A delegada Ana Lúcia Junqueira Guimarães, do 78° Distrito Policial, ouviu, durante a madrugada, os relatos de Fasano, do porteiro do prédio e de funcionários do bar do
recém-inaugurado Hotel Fasano, de propriedade da família, onde Carta e Fasano estiveram antes do acidente. De acordo com funcionários do bar, o jornalista havia bebido muito e discutido com Fasano. Quando os dois chegaram ao apartamento do empresário eram 2h15 da madrugada.

Segundo o zelador do edifício, Manuel José de Souza, Fasano teria contado que Carta ameaçou jogar-se da sacada. Fasano tentou contê-lo, mas ele se desvencilhou e pulou. Souza disse que subiu ao apartamento minutos depois e que não havia nenhum móvel ou objeto fora do lugar. A polícia foi avisada por volta das 2h30. O resultado da perícia deve demorar cerca de duas semanas.