Polícia apreende fuzil e drogas em comunidade da Zona Norte

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 5 de maio de 2015 as 13:40, por: cdb
 Não houve detidos e o material foi apresentado na 44ª DP (Inhaúma)
Não houve detidos e o material foi apresentado na 44ª DP (Inhaúma)

Durante uma operação na manhã desta terça-feira, no Morro do Juramentinho, em Thomás Coelho, na Zona Norte do Rio, policiais militares do 3º BPM (Méier) com apoio do 16º BPM (Olaria) apreenderam um fuzil e um tablete de maconha, após confronto com criminosos na área da mata da região. Não houve detidos e o material foi apresentado na 44ª DP (Inhaúma).

Um homem foi detido por policiais militares do 14º BPM (Bangu) nesta terça-feira, durante uma operação na comunidade Vila Vintém, em Padre Miguel, na Zona Oeste do Rio. Os PMs apreenderam escondidos na mochila do acusado 481 papelotes de cocaína, 86 trouxinhas de maconha, 51 pedras de crack, 51 frascos de cheirinho da loló e dez comprimidos de ecstasy. O caso foi encaminhado para a 34ª DP (Bangu).

Assaltos no Centro

Após a divulgação, pela imprensa, de imagens de assaltos no Centro do Rio de Janeiro, o policiamento na região será reforçado por tempo indeterminado, com o apoio de seis viaturas. Ao todo, 52 agentes fazem a ronda desde sábado.

No começo da tarde desta segunda-feira, a movimentação de pessoas nas avenidas Rio Branco e Presidente Vargas era intenso, e o policiamento estava presente na região. Muitas pessoas confirmaram a ocorrência de assaltos na área. Carlos Eduardo da Silva trabalha em uma banca de jornal na Avenida Rio Branco e diz que quinta e sexta-feira são os piores dias.

– É muito assalto, o dia todo. A toda hora passa gente correndo aqui, volta e meia a gente também está se estressando com esses garotos roubando aqui na banca. É estresse todo dia, são sempre os mesmos, a gente até já sabe quem são, mas é cada um com seu cada um, a gente paga os nossos impostos, quem tem que fazer o dever são os nossos governantes. Com a polícia aqui até melhora, mas tem que ficar o tempo todo, tinha que ver dois dias atrás – relata Silva.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o 5º Batalhão (Praça da Harmonia) apreendeu, no último sábado, 11 menores de idade, que foram levados para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). Desses, cinco portavam drogas e seis foram encaminhados para um abrigo. A polícia encontrou 27 pedras de crack, 69 pinos de maconha, um cordão de ouro e R$ 50 em dinheiro. Também foi preso um homem que tentava vender seis celulares sem nota fiscal.

Na manhã de segunda dez adolescentes foram apreendidos no Centro da cidade sendo um encaminhado para a DPCA e nove levados para abrigos. De janeiro a abril deste ano, foram presas 290 pessoas e apreendidos 109 menores no Centro do Rio. Só na Avenida Rio Branco, houve 22 prisões, além da apreensão de oito adolescentes e de quatro armas.

Os dados do Instituto de Segurança Pública do Rio de Janeiro (ISP) mostram que na capital, de janeiro a março, o assalto a transeuntes foi o crime mais cometido, com 10.955 registros. No período, foram apreendidos 668 adolescentes na cidade.