PMDB de Goiás quer expulsar Ovídeo de Angelis

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 20 de agosto de 2001 as 17:48, por: cdb

Se depender do PMDB de Goiás, Ovídio de Ângelis, titular da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, será expulso do partido. Rompidos com Ovídio desde que ele declarou apoio à candidatura do deputado Michel Temer (PMDB-SP) à presidência do PMDB, os senadores Maguito Vilela (PMDB-GO) e Iris Rezende (PMDB-GO) disseram que o diretório metropolitano de Goiânia do PMDB está pedindo a expulsão do ministro. Irritados com o comportamento do afilhado político, que assumiu o governo por indicação de Rezende, os senadores estão se sentindo traídos e concordam com a expulsão.

“A pessoa que fica obcecada pelo poder perde a razão e a dignidade”, afirmou Rezende, destacando que Ovídio está isolado politicamente no Estado. Ao apoiar Temer, o secretário do Desenvolvimento Urbano assumiu posição contrária ao senador Maguito Vilela, que também disputa o posto, só que como representante do grupo de oposição ao Palácio do Planalto. “Ovídio não tem voto entre os convencionais”, disse Iris Rezende, para quem o apoio do ministro ao deputado Michel Temer não vai influir na opinião dos convencionais de Goiás.