PFL quer investigar farra no Palácio Alvorada

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 13 de janeiro de 2005 as 10:57, por: cdb

As férias proporcionadas pelo filho caçula do presidente Luiz Inácio, o jovem Luiz Cláudio, a seus amigos no Palácio do Alvorada, em julho passado, causaram alvoroço na oposição. O PFL anunciou que pretende investigar o possível uso de aviões da Força Aérea no transporte do grupo de jovens, a hospedagem dos mesmos em residência oficial e outros assuntos coligados.

O líder do PFL, José Agripino (RN), apresentou requerimento ao Executivo. No documento, endereçado aos ministros da Defesa, José Alencar, e do Gabinete de Segurança Institucional, general Félix Mendonça, o senador questiona se o avião que transportou os 15 amigos de Luiz Cláudio era mesmo da Força Aérea Brasileira (FAB) e se a lancha utilizada em um passeio no Lago Paranoá é de propriedade da Marinha.
       
– Se eles viajaram em avião da FAB e passearam de lancha da Marinha, terão que devolver o dinheiro das despesas ao erário público. Se a oposição não contestar nem zelar pela ética, quem vai? – indagou.

Caso a resposta seja afirmativa, o líder pedirá providências para ressarcir os cofres públicos. Agripino ainda pedirá que a Comissão de Ética do governo se manifeste sobre o assunto.

– Tudo bem receber amigos, mas 15 já cheira a bagunça, libertinagem – disse.