Petrobras pretende elevar produção de petróleo e gás em 31% em 2008

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 20 de dezembro de 2007 as 18:53, por: cdb

A Petrobras pretende elevar a produção média diária de petróleo e gás natural em 31% no próximo ano. Segundo o Plano de Negócios do Sistema Petrobras, divulgado nesta quinta-feira pela empresa, a produção passará da média de 1,8 milhão de barris diários obtidos atualmente para 2,36 milhões de barris.

Para alcançar essa meta, a estatal pretende investir R$ 25,9 bilhões em projetos de exploração e produção no Brasil. Desse total, R$ 2,2 bilhões serão destinados à construção de plataformas de petróleo – fixas e do tipo FPSO (navios que exploram, produzem e armazenam petróleo).
Para a Bacia de Campos, no norte do estado do Rio de Janeiro, se destinarão a P-51, P-53, P-56 e P-57, além das FPSOs Frade e Conchas. Os recursos se destinarão ainda para a plataforma fixa PMXL-1, destinada ao campo de Mexilhão, na Bacia de Santos.

A P-51 e a P-53, previstas para entrar em operação no próximo ano, têm capacidade de produção diária de 180 mil barris de petróleo e 6 milhões de metros cúbicos de gás natural. Também com início das atividades previstas para 2008, a FPSO Cidade de Niterói pode produzir até 100 mil barris de óleo e 3,5 milhões de metros cúbicos diários de gás natural e a FPSO Cidade de Rio das Ostras tem capacidade de produzir até 15 mil barris diários de óleo pesado.

Há ainda a previsão de entrada em operação no próximo ano da FPSO Cidade de São Mateus, com capacidade para produção de 25 mil barris de petróleo e 10 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia.

As informações da companhia indicam que a empresa conta com 384 blocos exploratórios, obtidos em leilões que resultaram em 151 contratos assinados com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Bicombustíveis (ANP).