Pesquisa revela que população de Washington teme ataque terrorista

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 19 de fevereiro de 2003 as 14:18, por: cdb

Uma pesquisa publicada hoje, quarta-feira, pelo The Washington Post, indica que 74 por cento da população da área metropolitana da capital dos EUA está um pouco ou muito preocupada com um possível ataque terrorista.

Por causa do alto nível de medo e ansiedade em alguns segmentos da população, psicólogos, advogados e assistentes sociais pediram aos casais que estão se divorciando para decretar uma trégua e tentar acalmar seus filhos.

Dos entrevistados, apenas 17 por cento disseram que não preocupam muito com um ataque terrorista na região de Washington.

“Mais de seis em cada dez moradores da área tomaram precauções depois que o Governo federal elevou na semana passada o nível de alerta por supostas ameaças de ataque terrorista”, segundo a enquete.

“Três em cada quatro dizem que preocupa a possibilidade de um ataque terrorista em algum lugar dessa região, e quase a metade (dos entrevistados) teme ser vítima pessoalmente”, acrescentou.

O sistema de alerta por ameaças terroristas instaurado pelo Governo federal foi classificado por 44 por cento dos entrevistados como “causa de temor e alarme desnecessários”, enquanto que 38 por cento opinaram que “fornece informação útil para as pessoas”.

Dos questionados, 62 por cento tomaram alguma medida preventiva a um possível ataque. Entre as precauções estão a estocagem de água, alimentos e baterias, a aquisição de materiais para se fazer um abrigo contra agentes biológicos e químicos e o planejamento de uma rota de fuga.

A apreensão de alguns moradores e a referência constante aos “alertas” em meios de comunicação têm uma incidência sobre todas as crianças, especialmente sobre aquelas cuja situação familiar é instável, alertaram ao “Post” vários especialistas.