PCdoB debate rumos e políticas públicas para as mulheres

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 7 de dezembro de 2012 as 11:01, por: cdb

Com o objetivo de reforçar a luta das mulheres e sua participação na política, a Secretaria Nacional da Mulher, do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), promove nos dias 8 e 9 de dezembro, em São Paulo, o “Seminário Nacional Poder e Políticas Públicas para as Mulheres”. O encontro vai reunir prefeitas, vice-prefeitas e vereadoras comunistas que venceram o pleito deste ano.

Deborah Moreira e Joanne Mota da Rádio Vermelho em São Paulo

Em participação no programa Destaques do Vermelho, da Rádio Vermelho, Liége Rocha, secretária da Mulher do PCdoB, explicou que o evento terá como foco a discussão da participação das mulheres na política, o combate à violência de gênero, a luta pela emancipação feminina e o papel das mulheres no novo projeto nacional de desenvolvimento.

“A ideia do seminário é situar, na atual conjuntura, qual os resultados colhidos pelo PCdoB e qual foi o papel desempenhado pelas comunistas nestas eleições. Destaco que o seminário também tem um sentido de capacitação, pois queremos aproveitar este espaço para aprofundar nossas discussões sobre a luta emancipacionista e situá-la na conjuntura pós-eleições”, declarou a dirigente.

A abertura do evento acontece no sábado (8), às 9h, com uma homenagem a todas as comunistas candidatas nas eleições de 2012. Das 9h30 às 12h30, o presidente nacional do partido, Renato Rabelo e Liége Rocha, abrem o debate com a mesa “PCdoB: Eleições 2012 e a luta pela emancipação das mulheres”.

No segundo e último dia do encontro, as atividades têm início a partir das 9h, com a fala da deputada federal Alice Portugal, que discutirá “As Mulheres e o nono Projeto Nacional de Desenvolvimento”.
é relatora da CPMI da Violência contra a Mulher e integrante do Fórum Nacional sobre a Emancipação da Mulher do PCdoB. Na ocasião, ela tratará sobre As mulheres e o novo projeto de desenvolvimento.

Mulheres no poder

Apesar da lei que estabelece cotas para mulheres ser recente, o PCdoB sempre contou com ampla participação feminina. Nas eleições de 2010, dos 15 deputados federais eleitos pela legenda, seis foram do sexo feminino.

Desse modo, o seminário fará um balanço dessa eleição histórica em que, pela primeira vez, partidos políticos e coligações atingem os 30% prescritos pela chamada Cota de Gênero, contabilizando 32,57% de candidatas às prefeituras e câmaras de vereadores.

De acordo com informações de um estudo realizado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nas eleições deste ano o número de candidatos do sexo masculino chegou a 302.348 e o de candidatos do sexo feminino a 146.059.

Ouça a entrevista na íntegra

Programa Destaques do Vermelho

 

..