PCC organiza fuga em massa na capital paulista

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 9 de novembro de 2003 as 16:04, por: cdb

A Polícia Militar de São Paulo enfrentou uma tentativa de fuga em massa constatada por volta das 13h50 na Penitenciária do Estado de São Paulo, Zona Norte de São Paulo. Segundo as primeiras informações da PM, os presos, ainda não se sabe quantos, fugiram por túneis que ligam o presídio à rede de esgoto nas proximidades das ruas Gabriel Prestes e Doutor Olavo Egídio, na zona norte. Até o momento, a informação é de que 22 presos foram recapturados. Este é um dos presídios controlados pela facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).

Várias equipes da polícia, com apoio de um helicóptero da Polícia Militar, realizam buscas nas ruas próximas ao presídio. Alguns dos detentos estão sendo retirados agora das tubulações, alguns aparentemente feridos e totalmente sujos de lama e esgoto.

A central 190 da Polícia Militar recebeu, antes das 14h, a denúncia de que presos da penitenciária estariam saindo de bueiros. Os números sobre fugitivos só serão divulgados depois de uma recontagem de presos, que ainda deve demorar, já que o horário de visitas ainda não acabou.

Não há rebelião no local, que é controlado pela Tropa de Choque da Polícia Militar. No entanto, algumas mulheres de presos não querem sair do prédio, temendo represálias da Polícia contra os presos. Policiais civis e militares vasculham os arredores do presídio, em busca de fugitivos.