Partido alemão debate reforma social

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 28 de abril de 2003 as 09:27, por: cdb

A liderança do Partido Social-Democrata (SPD) discute nesta segunda-feira, em Berlim, o controverso plano de reformas sociais do chanceler federal Gerhard Schröder. À noite, durante a primeira conferência regional do partido sobre o assunto, realizada em Bonn, Schröder tentará conquistar o apoio de 500 políticos social-democratas dos estados da Renânia do Norte Vestfália, Renânia-Palatinado e Sarre.

De acordo com informações do diário Berliner Zeitung, Schröder poderá fazer concessões na questão dos cortes no seguro-desemprego, um dos pontos polêmicos da reforma. Uma proposta consensual seria conceder ao desempregado o direito de receber seguro-desemprego durante pelo menos três meses; este prazo aumentaria de acordo com o tempo de serviço e contribuição.