Partidários de Chavez conseguem 2,6 milhões de assinaturas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 26 de novembro de 2003 as 08:59, por: cdb

Os partidários de Hugo Chávez fazem uma passeata nesta quarta-feira para entregar o abaixo-assinado de 2,6 milhões de eleitores que querem plebiscitos contra 37 deputados “antichavistas”.

O dirigente pró-Chavez Ismael García disse que os eleitores fizeram no total 4,2 milhões de petições, já que boa parte dos eleitores pediram a saída de dois ou três deputados de uma mesma jurisdição.

A coleta de rubricas “chavistas” não cobriu todo o território nacional e sim 20 dos 24 Estados do país, alertou García.

Em todo caso, ele disse que as assinaturas recolhidas superaram 20% do eleitorado de cada jurisdição, porcentagem mínima exigida pela lei para pedir plebiscitos revogatórios de mandatos de autoridades.

Data

O Conselho Nacional Eleitoral deve confirmar se as petições cumpriram os requisitos legais e determinar a data da celebração dos referendos.

A verificação do CNE começará imediatamente depois de que terminar o prazo de coleta de assinaturas de eleitores “antichavistas”.

Os opositores de Chávez começarão a coletar assinaturas na sexta-feira para a futura celebração de outros referendos, desta vez sobre os mandatos do próprio presidente e de 33 deputados do partido do governo.

García disse que a oposição não consegurá o mínimo legal e que o que foi obtido no último final de semana “consolida a força do chavismo”.