Pan 2007: Prefeitura do Rio e COB apresentam calendário de eventos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 28 de novembro de 2003 as 15:13, por: cdb

O Prefeito Cesar Maia e o Presidente do Comitê Olímpico Internacional Brasileiro e do Comitê Organizador dos Jogos Pan-Americanos Rio 2007 (CO-RIO), Carlos Arthur Nuzman, apresentaram na manhã desta sexta-feira o Calendário de Eventos Preparatórios para o Pan-Rio 2007.

Com sete competições internacionais, sendo duas delas classificatórias aos Jogos Olímpicos de Atenas, e uma etapa do Circuito Brasil Olímpico, a cidade do Rio de Janeiro começa, em 2004, a se preparar para sediar o maior de todos os eventos, os Jogos Pan-Americanos de 2007. Para a realização do Calendário, a Prefeitura do Rio vai investir R$ 8 milhões. De acordo com o Prefeito, este é um pré-orçamento.

 – Na medida em que o cronograma de eventos for crescendo ou se modificando, este valor poderá chegar a R$ 25 milhões, já garantidos no orçamento do município – afirmou Cesar, lembrando que as competições credenciam o Rio para realizar grandes eventos internacionais, e não apenas os esportivos.

– Além disso, o calendário antecipa a utilização dos equipamentos esportivos, o que será importante para a população, que passa a usufruir destes espaços, e também para os atletas, que poderão se ambientar aos locais de competição – destacou o Prefeito.

Cesar Maia esclareceu, ainda,  que um dos objetivos para a antecipação do cronograma de eventos até o Pan de 2007, “é capacitar nossos atletas para disputar eventos internacionais e garantir que mais medalhas venham para as Américas”.

– A série de competições dará visibilidade aos Jogos Pan-Americanos e, nesse sentido, ao Rio de Janeiro, cidade síntese das Américas – acrescentou.

Cesar Maia destacou  a realização do campeonato Mundial de Pentatlo Moderno de 2006, que será disputado pela primeira vez na América do Sul, entre os dias 13 e 19 de julho, no Jockey Clube Brasileiro e na sede do Flamengo, na Gávea. Ele também lembrou dos mundiais de basquete feminino, judô e canoagem.

– Os eventos de grande mobilização e impacto na opinião pública podem gerar cerca de 20 mil empregos temporários. Quando a competição é de um esporte motivador, que lota as arquibancadas, este número pode até duplicar – ressaltou.

Antes dos Jogos Olímpicos de Atenas serão realizados, ainda no primeiro semestre de 2004, o Pré-Olímpico Mundial Masculino de Pólo Aquático, a Final da Copa do Mundo de Natação, o Mundial de Iatismo da Classe Finn, a Copa do Mundo Feminina de Ginástica Artística, o Pré-Olímpico das Américas de Boxe e o Grand Prix de Atletismo da IAAF, além de uma das etapas do Circuito Brasil Olímpico.

Cesar Maia aproveitou para divulgar que em todas as competições as crianças e jovens carentes que participam de programas esportivos do Município terão “lugar garantido nas arquibancadas”.

– Eles irão assistir a todos os jogos. Futuramente, estarão competindo como verdadeiros atletas – finalizou.