Palocci presta solidariedade à Argentina

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 10 de setembro de 2003 as 19:53, por: cdb

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, prestou nesta quarta-feira solidariedade à Argentina em nome do governo federal depois que o país vizinho entrou tecnicamente em moratória com o Fundo Monetário Internacional (FMI) por não ter pago, na terça, a parcela de US$ 2,9 bilhões de uma dívida com o organismo.

Segundo a Assessoria de Imprensa do Palácio do Planalto, o ministro Palocci manteve contatos telefônicos ao longo do dia com o ministro da Economia da Argentina, Roberto Lavagna, para acompanhar as negociações argentinas com o FMI.

No final da tarde desta quarta, jornais argentinos já davam como certo um novo acordo que teria sido firmado pelo governo argentino com o FMI para reverter a moratória.

Segundo o jornal La Nación, o presidente Nestor Kirchner vai assinar um acordo que vai permitir ao país financiar uma dívida de US$ 12,5 bilhões com o Fundo. A informação ainda não foi confirmada pelo governo argentino, nem foram divulgados prazos ou cronogramas para o suposto novo acordo.