Palanque caiu e deu um susto em Garotinho

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 3 de agosto de 2002 as 14:14, por: cdb

O palco de um comício onde estavam o candidato à Presidência do PSB, o Partido Socialista Brasileiro, Anthony Garotinho, e o ex-governador de Pernambuco, Miguel Arraes, desabou na Cinelândia, no centro do Rio de Janeiro. Testemunhas disseram que Garotinho, ex-governador do estado do Rio de Janeiro, ainda tentou agarrar-se à estrutura metálica do palanque, mas acabou caindo. Ele foi levado a um hospital por assessores, com ferimentos na perna. A mulher de Garotinho, Rosinha Matheus, atual candidata ao governo do Rio de Janeiro, também estava no palanque, também foi arrastada pelo desabamento, junto com sua filha.
A candidata ao governo do Rio de Janeiro foi levada de ambulância com o pescoço imobilizado, mas sofreu apenas algumas escoriações e, segundo a filha do casal, Clarissa Matheus, que não se feriu, ambos estão bem. O ex-governador de Pernambuco Miguel Arraes, de 85 anos, presidente de honra do PSB, teve uma lesão no rosto.
Estima-se que havia quase 200 pessoas no palanque, das quais 100 concentradas na área do desabamento. Muitos feridos foram socorridos na Câmara dos Vereadores, que fica diante da Praça da Cinelândia. Ainda se ignora a razão do desabamento, mas a hipótese considerada mais provável é a de que havia excesso de pessoas no palco, problema que, antes do acidente, já havia provocado advertência de um oficial do Corpo de Bombeiros.
Acredita-se que o desabamento ocorreu com a movimentação registrada em torno de Garotinho, depois que o candidato do PSB encerrou o seu discurso, concentrando assim um peso excessivo sobre uma parte da estrutura do palanque.