Paim quer tirar da lista do MEC livro com mensagem racista

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 25 de fevereiro de 2003 as 18:05, por: cdb

O primeiro vice-presidente do Senado, Paulo Paim (PT-RS), vai requerer ao ministro da Educação, Cristovam Buarque, que seja retirado da lista de livros didáticos do MEC, o livro Banzo, Tronco e Senzala, que vem sendo utilizado nas escolas públicas do Distrito Federal. Para o senador, o livro traz mensagens preconceituosas e fere a auto-estima da comunidade negra.

Paim disse também que vai mover ação judicial contra a editora e os autores do livro. Além disso, ele pretende discutir o assunto no Conselho Federal de Educação e no Conselho de Educação do Distrito Federal. Depois de ressaltar para os parlamentares em plenário algumas das passagens do livro que julga preconceituosas, Paim disse que pretende conversar com as autoras do livro, uma vez que prefere considerar que a obra é resultado do desconhecimento da participação dos negros na construção da história do Brasil.