Osama bin Laden diz ter definido objetivos para desestabilizar aliança contra o terrorismo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 15 de outubro de 2001 as 12:06, por: cdb

Osama bin Laden acredita ter conseguido definir os termos do conflito com a coalizão antiterrorismo, liderada pelos Estados Unidos, como “uma luta para salvar o Islã”, disseram representantes da organização Al Qaeda à CNN, nesta segunda-feira.

O correspondente da CNN conversou com as fontes antes de deixar o Afeganistão, rumo a Peshawar, no Paquistão.

Os porta-vozes de bin Laden fizeram ameaças aos EUA e à Grã-Bretanha, afirmando que haverá sérias conseqüências, pois os bombardeios aéreos destruíram alvos civis no Afeganistão.

Para essas fontes, os norte-americanos e os britânicos já estão começando a sofrer desestabilização econômica e política como resultado de sua operação militar.

Os bombardeios aéreos, já em sua segunda semana, se concentraram nesta segunda-feira em Cabul, a capital afegã, na cidade de Jalalabad e em Kandahar, o principal reduto do regime do Talebã.