Operadoras de telefonia fixa são multadas por falta de qualidade

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 19 de novembro de 2003 as 12:55, por: cdb

A Anatel multou três operadoras de telefonia fixa pelo não cumprimento de indicadores do Plano Geral de Metas de Qualidade (PGMQ) da Agência: Telecomunicações de São Paulo S/A (Telesp), Telemar Norte Leste S/A e Brasil Telecom S/A.

Os inquéritos foram abertos no ano de 2000, e as decisões, publicadas no Diário Oficial da Uniãode de terça são definitivas – o que significa que estas operadoras não podem apresentar pedidos de reconsideração.

A Telerj, subsidiária da Telemar no Rio de Janeiro, foi multada em 125,2 mil reais por não cumprir o indicador “Taxa de atendimento de solicitações de reparo de usuários residenciais em até 24 horas” em outubro e novembro de 2000.

A Ceterp, prestadora da Telesp em Ribeirão Preto, deve pagar 55 mil reais pelo fechamento de postos de atendimento em naquele ano. E a Telesc, representante da Brasil Telecom em Santa Catarina, foi multada em 2,2 mil reais pelo descumprimento do indicador “Número de solicitações de reparo de Telefones de Uso Público (Tup) por 100 Tups em serviço” em maio e junho de 2000.