Operação anti-seqüestro no aeroporto de Londres

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 7 de novembro de 2003 as 17:21, por: cdb

Centenas de policiais anti-terroristas, soldados do exercito britânico e membros do esquadrão especial da Scotland Yard participam nesta sexta-feira no aeroporto de Stanstead, em Londres, do maior exercício anti-seqüestros de aviões na Grã-Bretanha.

A operação, que se realiza como medida de precaução frente possíveis seqüestros de aviões e atentados como os vistos em 11 de setembro de 2001 nos EUA, conta além do mais com a participação de tropas especiais das SAS, bombeiros, doutores e policiais civis.

Segundo informou o porta-voz da Scotland Yard, os exercícios de prevenção durarão por volta de 72 horas e custaram mais de US$ 4 milhões.

Coordenado pela polícia da Essex, o porta-voz indicou além do mais que a operação de máxima segurança “não afetará a chegada e saída de aviões do aeroporto de Stanstead”.

“O exercito verá a atuação de um seqüestro terrorista em grande escala de um jumbo e as medidas que se deverão tomar para evitar este ataque”, indicou o porta-voz policial.

“Será como um seqüestro real. Primeiro comunicaremos a noticia ao primeiro-ministro Tony Blair, que dará as ordens para as SAS para que atuem rapidamente e resolvam o problema, evitando assim a morte de grande número de pessoas”, finalizou.