ONU vai debater Fome Zero de Lula

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 18 de setembro de 2004 as 10:46, por: cdb

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva embarca com sua comitiva neste domingo para Nova York, onde abrirá a Assembléia da ONU em encontro que representates de centenas de países vão debater a idéia de Lula da criação de um fundo internacional de combate à fome e miséria. Lula e o ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, vão apresentar os programas sociais, como o Bolsa Família, como alternativas.

Patrus, ao lado do presidente Lula, participará de uma reunião com representantes de 60 países dispostos a debater ações contra a fome e a pobreza. Em entrevista à Rádio Nacional AM, o ministro ressaltou a importância da iniciativa do programa Fome Zero, como fator de destaque nas discussões.

– A grande inovação do ato inaugural do presidente Lula foi ter colocado a questão da segurança alimentar e nutricional, o combate à fome e à desnutrição no Brasil no plano governamental. Pela primeira vez na história do nosso país um presidente da República chama a si a responsabilidade de enfrentar e de propor a sociedade, em uma ação de parcerias, a erradicação da fome – afirmou.

Para o ministro, a reunião de Nova Yprk será um momento histórico na luta contra a fome e as desigualdades no mundo.

– A fome e a desnutrição constituem uma vergonha para nós brasileiros, que estamos em um país tão grande e rico com tantas possibilidades de produção agrícola, e também uma vergonha para o mundo. Nos países da África e em outros países irmãos da América Latina, e mesmo nos países chamados desenvolvidos, a pobreza infelizmente tem crescido. E esse esforço, essa tomada de consciência de que a fome é inaceitável é fundamental, para que possamos dar outros passos para vencermos também a luta contra a pobreza, a exclusão social, o desemprego e caminharmos cada vez mais com uma perspectiva de um Brasil e um mundo mais solidário e mais justo.