Obras voltam a alterar o trânsito na Zona Portuária

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 20 de março de 2015 as 12:20, por: cdb
Tropas africanas comemoram expulsão do Boko Haram de cidades na Nigéria
Tropas africanas comemoram expulsão do Boko Haram de cidades na Nigéria

A Avenida Rodrigues Alves, na Zona Portuária do Rio, foi interditada entre a Avenida Francisco Bicalho e o portão de acesso à Rodoviária Novo Rio nesta sexta-feira. O trecho será reaberto no dia 30 de março às 5h da manhã.

O fechamento por dez dias é necessário à continuidade das obras de construção da Via Expressa e implantação de infraestrutura urbana do Porto Maravilha.

Para facilitar a circulação dos ônibus de turismo, haverá novo acesso para entrada e saída da rodoviária na Rua Equador. Ônibus que chegam ao terminal deverão seguir pela Rua Comandante Garcia Pires, Praça Marechal Hermes, Rua Santo Cristo, Rua Cordeiro da Graça e Rua Equador. Os veículos de maior altura precisam passar pelo Viaduto do Gasômetro, alça de descida para a Via Binário do Porto, Rua Cordeiro da Graça e Rua Equador.

Durante a interdição, não haverá prejuízo ao funcionamento da rodoviária e nada muda na circulação dos veículos no entorno. A operação mobilizou 30 agentes de trafego da CET-Rio, Guarda Municipal e Concessionária Porto Novo e nove painéis de mensagens variáveis para orientação aos motoristas. Além disso, reboques posicionados em pontos estratégicos para desobstrução das vias deram suporte aos motoristas em casos de problemas com os veículos ou acidentes.

 

Outra medida programada para este sábado é a liberação ao tráfego da Rua Bela e da Avenida Pedro II, fechadas desde 2014 para obras de implantação da adutora do Reservatório do Morro do Pinto. Na avaliação da CET-Rio, essas ações terão impacto positivo sobre o trânsito, ampliando acessos a São Cristóvão e em direção ao Centro.