Nos próximos cinco anos, Portugal deverá investir US$ 2 bi no país

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 12 de novembro de 2003 as 14:26, por: cdb

Nos próximos cinco anos, Portugal deverá investir no Brasil cerca de US$ 2 bilhões, principalmente na área de hotelaria e cimento. A informação foi dada por João Mota Pinto, diretor do Icesp, a entidade responsável pelo comércio exterior em Portugal.

Mota Pinto informou que, de 1996 a 2002, Portugal investiu no Brasil US$ 12 bilhões, com 300 empresas gerando 100 mil postos de trabalho. Depois da Espanha, o Brasil é segundo destino dos investimentos portugueses no exterior. Segundo o diretor do Icesp, neste ano, os investimentos devem ser menores, por dois motivos: a avaliação dos primeiros seis meses de governo Lula e a conjuntura da economia de Portugal, que não está sendo das melhores.

Atualmente apenas 0,6% do total das exportações de Portugal são direcionadas ao Brasil. Na opinião de Mota Pinto, é mais interssante investir diretamente no Brasil do que exportar produtos portugueses, em razão da desvalorização do real, somada à valorização do euro.

O diretor do Icesp está em São Paulo participando do segundo Congresso Empresarial
Brasil-Portugal, ao lado do vice-presidente brasileiro, José Alencar, e do presidente de Portugal, Jorge Sampaio.