Não estou pronto para ser titular, diz Nelsinho Piquet

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 5 de dezembro de 2003 as 11:39, por: cdb

Quem sabe faz a hora, diz a música. Nelsinho Piquet decidiu que a hora dele não chegou. E revelou, com todas as letras, em entrevista ao diário Lance!.

-Andei um dia e meio e não tenho o preparo adequado para a F-1. Não estou pronto para ser titular neste momento- disse o brasileiro ao repórter Thiago Rocha, depois dos testes em Jerez de La Frontera.

Nelsinho andou na terça-feira (2) e na manhã de quinta-feira (4). No primeiro dia foi 3s mais lento que Ralf Schumacher, o mais rápido pela Williams. Na quarta-feira, quem andou foi Nico Rosberg, 1s7 atrás do alemão. No último dia, Piquet guiou de manhã, o finlandês de tarde e o brasileiro ficou 1s6 na frente. Mas nega que tenha vencido algum duelo.

-Andamos em períodos diferentes e não estamos disputando nada. Hoje (quinta-feira) choveu e não deu para avaliar quem foi o mais rápido- despistou Nelsinho, que negou a informação que o pai, Nelson Piquet, deu há alguns dias, de que a Williams já oferecera um contrato até 2010.

-Não assinei nada, a não ser algo para fazer este teste. Assim, se eles quiserem quiserem ficar comigo já tem algo pronto- revelou o brasileiro.

Nelsinho contou ao diário que se impressionou muito no primeiro dia e sentiu a pressão – “Por ser novo, tudo o que a gente faz é visto, a gente fica um pouco nervoso” – mas que na segunda sessão se sentiu melhor. “Já me senti acostumado, dá para ver que o carro anda bem e é seguro.”

Agora, o brasileiro tem como certeza a disputa da F-3 Inglesa novamente em 2004. E a espera.

-Se eu não conseguir nada aqui (na Williams), paciência, não estou desesperado. Outras equipes vão se interessar- disse.