Nadal mantém otimismo para os Jogos do Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 20 de julho de 2016 as 12:41, por: cdb

Nadal, medalhista de ouro da Olimpíada de Pequim 2008, busca competir no Rio após perder os Jogos de Londres, em 2012, por lesão no joelho

Por Redação, com Reuters – de Madri/Toronto:

 

O tenista espanhol Rafael Nadal está otimista que estará pronto para os Jogos Rio 2016, apesar de estar sem jogar uma partida oficial desde 27 de março por conta de uma lesão no pulso.

Nadal, que possui 14 títulos de Grand Slam, teve que se retirar do Aberto da França, em Roland Garros, na segunda rodada, e também perdeu o torneio de Wimbledon após lesionar o pulso esquerdo.

O tenista espanhol Rafael Nadal está otimista que estará pronto para os Jogos Rio 2016
O tenista espanhol Rafael Nadal está otimista que estará pronto para os Jogos Rio 2016

Número 4 do mundo, Nadal é esperado para voltar à ação no Masters de Toronto, na semana que vem, antes de viajar para o Brasil.

– Espero que cada dia possa (progredir) mais um pouco e chegar no Rio bem preparado, embora sempre diga que não há nada certo nesta vida – disse Nadal nesta quarta-feira a repórteres em sua cidade natal de Manacor.

– Me sinto bem, trabalhando e seguindo no processo de recuperação. A programação está correta, temos duas semanas e meia antes de começar a competir.

Nadal, medalhista de ouro da Olimpíada de Pequim 2008, busca competir no Rio após perder os Jogos de Londres, em 2012, por lesão no joelho.

Além de ser o porta-bandeira da Espanha na cerimônia de abertura, o tenista de 30 anos também irá jogar o torneio de duplas masculinas ao lado de Marc Lopez.

Torneio em Toronto

Roger Federer e Rafael Nadal se retiraram da Rogers Cup em Toronto, deixando o torneio sem três dos quatro melhores tenistas do mundo, disse na terça-feira a federação de tênis do Canadá.

A decisão do suíço número três do mundo, Federer, e do espanhol número 4 do mundo, Nadal, se dá um dia depois de o campeão de Wimbledon, Andy Murray, segundo lugar no ranking mundial, dizer que não iria defender o seu título na competição para que pudesse descansar antes de defender o seu triunfo olímpico no Rio.

Federer, vencedor de 17 torneios grand slam e campeão da competição canadense em 2004 e 2006, afirmou que precisava de um período maior de descanso depois de sua tentativa de conquistar o 18° torneio grand slam ter terminado na semifinal de Wimbledon neste mês.

– Olhando para frente, é melhor para mim que eu tire mais tempo depois de Wimbledon – afirmou em comunicado Federer, de 34 anos, que vai tentar a sua terceira medalha olímpica nos Jogos do Rio no mês que vem. “Fico na expectativa para voltar ao Canadá no ano que vem.”

Nadal, que está fora de ação desde que se retirou de Roland Garros depois de uma contusão no pulso na segunda rodada, afirmou que não está ainda preparado fisicamente para voltar a competir.