MP investiga quadrilha que facilita visto para EUA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 29 de agosto de 2003 as 23:42, por: cdb

O Ministério Público Federal está investigando quadrilhas que falsificam documentos para facilitar a entrada de brasileiros nos Estados Unidos. De acordo com o “Jornal Nacional”, com o golpe, as quadrilhas buscam convencer o consulado norte-americano de que o cliente não tem intenção de morar no exterior.

Desde maio, o Ministério Público Federal investiga as quadrilhas. Agora, as investigações chegaram às agências de turismo. A Polícia Federal cumpriu um mandado de busca solicitado pela Procuradoria da República em uma agência de Belo Horizonte que oferecia documentação falsificada a clientes. As investigações ocorriam há dois meses.

Da agência mineira, foram recolhidos computadores, contracheques, carteiras de estudante e extratos bancários. Alguns documentos seriam enviados para Governador Valadares, em Minas Gerais. No ano passado, cinco pessoas da cidade mineira foram condenadas por falsificação de passaportes. Agora, a tática é outra. Ao invés de falsificar passaportes, a quadrilha falsifica os documentos que antecedem a conquista do visto para os Estados Unidos.

A pena para quem falsifica ou documentos falsificados pode chegar a seis anos de prisão.