Morre no Rio o radialista Luiz Mendes, um dos mais conhecidos comentaristas esportivos do país

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 27 de outubro de 2011 as 12:04, por: cdb
Luiz Mendes
O corpo de Luiz Mendes foi coberto com a bandeira do Botafogo FR, seu time do coração

Morreu nesta quinta-feira , aos 87 anos, vítima de complicações decorrentes do diabetes, o radialista Luiz Mendes, considerado um dos maiores comentaristas esportivos do país. Ele estava internado no Hospital São Lucas, em Copacabana, Zona Sul do Rio. O corpo do jornalista foi velado na sede do Botafogo FR, time do coração do gaúcho de Palmeira das Missões, onde nasceu em 1924. Luiz Pineda Mendes integrou, entre 1977 e 1988, a equipe de esportes da Rádio Nacional do Rio de Janeiro. Nas últimas décadas, era comentarista da Rádio Globo, onde já havia trabalhado entre os anos 50 e 70.

A carreira do “comentarista da palavra fácil”, como ficou conhecido, teve início ainda em seu estado natal, na Rádio Farroupilha, de Porto Alegre, na década de 40. Em 1950, já no Rio de Janeiro, narrou para a Rádio Globo o jogo decisivo da Copa do Mundo daquele ano, entre o Brasil e o Uruguai. Em suas entrevistas, Luiz Mendes sempre se referia ao baque emocional que sentiu ao narrar o gol de Gighia que tirou do Brasil a chance do primeiro título mundial. Ele acompanhou, como locutor ou comentarista de rádio e televisão, das 16 edições da Copa do Mundo, até a mais recente, em 2010.

Mendes era casado com a atriz e radialista Daisy Lucidi, uma das mais antigas integrantes dos quadros da Rádio Nacional do Rio de Janeiro. O féretro seguirá para  sepultamento no Cemitério São João Batista, nesta sexta-feira.

Comments are closed.