Morre menina de 2 anos atingida por granada em favela do Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 25 de maio de 2007 as 16:47, por: cdb

A menina de dois anos, que foi atingida por uma granada jogada na casa da família, no Morro do Juramento, em Vicente de Carvalho, subúrbio do Rio, no início da semana, morreu nesta quinta-feira. 

Ana Clara Santana Monteiro estava internada em estado grave na UTI do Hospital Souza Aguiar, no Centro do Rio. A Secretaria municipal  de Saúde não informou a causa da morte. O corpo da menina já está sendo velado, na capela de Nossa Senhora da Apresentação no Cemitério de Irajá, em Irajá, no subúrbio.

Os estilhaços da granada, jogada durante confronto entre traficantes, atingiram o globo ocular esquerdo da criança. Os pais da menina, Oliveira Monteiro, 20 anos e Natalina Gomes Santana, 20 anos, também foram atingidos, mas passam bem.

O artefato explodiu no telhado da casa, na Rua Tupiniquins, e teria sido lançado por três homens que estavam em uma Kombi, de acordo com a polícia.