Morre médico atacado por assaltantes no Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 20 de maio de 2015 as 10:57, por: cdb
O médico foi atacado enquanto pedalava na altura da Curva do Calombo
O médico foi atacado enquanto pedalava na altura da Curva do Calombo

 

O médico cardiologista Jaime Gold, de 55 anos, que estava internado no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, onde passou por uma cirurgia de quatro horas após ser esfaqueado durante um assalto, na noite desta terça, na Lagoa Rodrigo de Freitas, na Zona Sul do Rio, morreu na madrugada desta quarta-feira.

O especialista não resistiu aos ferimentos no braço e abdômen e a Polícia Civil informou que já está tentando localizar câmeras de segurança da região para entender como ocorreu o crime e tentar identificar os dois criminosos que atacaram o médico.

O médico foi atacado enquanto pedalava na altura da Curva do Calombo, em frente ao centro náutico do Botafogo, e foi  levado pelos bombeiros para o Hospital municipal Miguel Couto, na Gávea, onde passou por uma cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos. Gold trabalhava no Hospital Clementino Fraga Filho, na Ilha do Fundão.

Segundo o depoimento de um frentista na 14ª DP (Leblon), onde o caso foi registrado, Jaime foi abordado por dois jovens em uma bicicleta, que aparentavam serem menores de idade.

Segundo o frentista, o médico não reagiu à ação dos bandidos, mas mesmo assim foi golpeado com um facão de cerca de 30 centímetros. Ele sofreu três perfurações no abdômen e uma na mão. A bicicleta e seus pertences foram levados.

O Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) divulgou uma nota na qual “lamenta o falecimento de um grande profissional da unidade hospitalar, médico do Serviço de Cardiologia desde janeiro de 1989, Jaime Gold. O médico foi esfaqueado durante tentativa de assalto na Lagoa na noite terça e veio a falecer na manhã desta quarta-feira. Jaime Gold será lembrado pela amizade de todos como ex-aluno e profissional desta instituição. A ele, o Hospital da UFRJ presta sua homenagem e agradece por todo profissionalismo, preocupação e comprometimento com as causas da saúde”.