Ministro diz que é possível criar sistema previdenciário sustentável

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 13 de março de 2003 as 09:30, por: cdb

O ministro da Previdência Social, Ricardo Berzoini, em reunião na Comissão de Seguridade e Social e Família da Câmara dos Deputados, nesta quarta -feira, apresentou um diagnóstico sobre o sistema previdenciário brasileiro e alternativas para reformá-lo.

O ministro afirmou que é possível criar um sistema previdenciário sustentável e que tenha vitalidade por décadas. Na exposição aos deputados, Berzoini apresentou vários cenários possíveis visando buscar o equilíbrio financeiro da Previdência e lembrou que, além de uma visão de profundo respeito pelos servidores públicos, é preciso também respeitar aqueles cidadãos que sequer têm direitos.

O ministro informou que vai encaminhar aos parlamentares uma lista com as 126 ações adotadas pelo Ministério para recuperação do sistema, com combate à sonegação e à fraude, entre outras providências.

Berzoini ressaltou que a reforma da Previdência, assim como a tributária, é de interesse geral, de todos os brasileiros, e não apenas do PT. Segundo o ministro, é preciso evitar qualquer tática partidária nessas reformas, que são fundamentais para o país.

Ele reconheceu que existem muitas imperfeições no sistema de arrecadação e na concessão de benefícios, criticou a terceirização nos serviços previdenciários e anunciou a realização de concurso público este ano no INSS, com 3.800 vagas.