Ministro da Justiça confirma contas de Menem na Suíça

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 13 de novembro de 2003 as 05:15, por: cdb

O ex-presidente de Argentina, Carlos Menem, está sendo novamente acusado de possuir contas bancárias na Suíça com dinheiro ganho de forma irregular.

A informação é do ministro da Justiça do país, Gustavo Béliz, que voltou nesta da Suíça, onde teria confirmado a existência de três contas no nome de Menem.

O próprio ex-presidente admitiu a existência de uma conta em um banco suíço durante a campanha presidencial deste ano. Menem abandonou a candidatura antes do segundo turno, que disputaria com o atual presidente, Néstor Kirchner.

Na ocasião, ele disse que tinha cerca de US$ 600 mil, que estariam em nome da sua ex-mulher, Zulema Yoma, e da filha que tem com ela, Zulemita.