Mina na Colômbia desaba e deixa vários desaparecidos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 11 de março de 2003 as 19:45, por: cdb

Um número ainda indeterminado de mineiros desapareceram depois de realizarem uma explosão dentro de uma mina de esmeraldas no departamento (estado) colombiano de Boyacá (centro), informaram esta terça fontes oficiais.

Porta-vozes da Defesa Civil disseram aos jornalistas que os mineiros ficaram presos depois que uma rocha tapou a saída de um túnel em uma jazida de gemas no município minerário de Coscuez (300 quilômetros a noroeste de Bogotá).

“Suspeita-se que vários operários que trabalhavam dentro da mina estejam presos, mas não sabemos quantos nem se estão vivos”, declarou um funcionário da Defesa Civil a emissoras de Tunja (capital de Boyacá).

Ele acrescentou que o trabalho de resgate está difícil, já que precisa ser feito de forma manual e não com explosivos, para evitar mais desabamentos.

Nas minas de Muzo, Coscuez, Quípama, Otanche e Borbur, situadas no oeste de Boyacá, é extraída a maioria das esmeraldas produzidas na Colômbia, maior exportador mundial destas pedras preciosas.