Metrô recebe primeiro dos 19 trens comprados na China

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 24 de abril de 2012 as 08:54, por: cdb
Metrô
Desembarque de novos trens da Supervia e metrô no Porto do Rio

O primeiro dos 19 novos trens do MetrôRio desembarcou no Porto do Rio de Janeiro na última sexta-feira. Encomendados na China, os seis carros foram embarcados no dia 27 de fevereiro, no Porto de Dalian. Nesta semana começam os testes operacionais, que devem durar até quatro meses, para que a entrada em circulação do trem ocorra até o fiim de agosto.

O MetrôRio investiu R$ 320 milhões na compra dos trens e todas as 19 composições (114 carros no total) estarão operando até março de 2013.

Os 19 novos trens do MetrôRio reúnem o que há de mais moderno em tecnologia e proporcionarão aos passageiros mais comodidade, rapidez nas viagens e um excelente sistema de climatização. As composições, que irão circular na Linha 2, terão ar-condicionado 33% mais potente, que fará a temperatura média dentro dos carros se manter em 23ºC.

Outra novidade dos novos trens é o maior espaço interno. Com isso, a capacidade dos carros é 10% maior do que a atual, graças à distribuição longitudinal dos bancos. Através do sistema de gangways (passagens sanfonadas), os passageiros terão mais facilidade de circular e se distribuir entre os carros.

Os novos trens serão também dotados de câmeras no interior de todos os carros. Painéis de LED informarão o mapa das estações e orientarão o desembarque dos passageiros. As barras para apoio em pé terão nova distribuição e os passageiros de baixa estatura contarão com pega mãos para aumentar a segurança.

Após março de 2013, com a entrada em operação dos novos trens, a previsão é que 19 composições operem na Linha 1 (114 carros) e 28 na Linha 2 (168 carros). Em ambas as linhas os trens terão seis carros. Desta forma, os intervalos do sistema serão reduzidos. Dos atuais seis minutos nas pontas de linha e três minutos no trecho compartilhado (entre Botafogo e Central), os trens circularão com intervalos de, respectivamente, quatro e dois minutos.