Mesquita Jr. diz que governo abandonou procuradores da Fazenda

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 2 de junho de 2006 as 11:18, por: cdb

O senador Geraldo Mesquita Júnior (PMDB-AC) protestou em Plenário, nesta sexta-feira, contra a situação vivida pelos procuradores e servidores de apoio da Procuradoria da Fazenda Nacional, que, segundo Mesquita Júnior, estão trabalhando em condições precárias e com remuneração não condizente com a importância da função que exercem para o país.

 Mesquita Júnior registrou a exoneração em bloco de 106 procuradores e outros servidores que ocupavam cargos de chefia como forma de protesto contra o abandono da categoria pelo governo federal.

– Fico revoltado de ver um órgão secular responsável pela arrecadação de bilhões de reais (em crédito tributário) e que faz com que a União deixe de desembolsar bilhões também; entra governo e sai governo e continua a mesma coisa – lamentou o parlamentar.

Em seu discurso, Mesquita Júnior destacou ainda a escolha oportuna, na sua avaliação, de Dulcinéia Berenice de Araújo para o cargo de conselheira do Tribunal de Contas do Estado do Acre.